Rurouni Kenshin OVA 01

Rurouni Kenshin OVA – Tsuioku Hen – Episódio 1
Título: Um homem que mata!

O OVA começa com o pequeno Kenshin, com mais ou menos sete anos, uma criança que compartilha o destino dos demais componentes de uma caravana de escravos. A caravana é atacada por bandidos que tentam matar a todos, mas três moças se sacrificam para protegê-lo, sendo brutalmente assassinadas pelos malfeitores. As últimas palavras de uma delas são para que o pequeno Shinta (como o menino era chamado, até então) continuasse a viver, por elas. Mesmo assim, o menino não teria escapado se não fosse a intervenção do mestre espadachim Hiko Seijuurou, que liquida os bandidos e salva a vida do garoto em meio a um espetacular banho de sangue. Lamentando que sua espada possa apenas matar bandidos, mas não proteger os inocentes, Hiko vai embora, deixando o menino à sua sorte. Quando volta, encontra-o novamente e vê que ele havia enterrado todos os corpos, inclusive os dos bandidos. “Depois de mortos”, diz ele ao espantado Hiko, “todos são apenas corpos”. Ele também havia colocado três pedras para servirem de lápides no túmulo das moças que o haviam tentado proteger, mas lamentava não ter sequer flores para oferecer aos seus espíritos. Impressionado com o menino, Hiko faz uma oferenda de saquê e em seguida diz a ele que irá lhe ensinar sua arte para que possa, no futuro, proteger aqueles que ama. A partir desse momento, o pequeno Shinta (que significa “espírito nobre”) tem seu nome mudado para Kenshin (“espírito da espada”) e inicia seu duro aprendizado do estilo Hiten Mitsurugi Ryuu.
Cerca de dez anos mais tarde, vemos o jovem Kenshin discutindo com seu mestre. Kenshin quer participar da luta contra o xogunato para livrar o povo da opressão, mas Hiko lhe diz que a espada só pode trazer a morte e jamais a justiça ou um mundo melhor. Também lhe diz que se ele se unir a facções políticas irá se tornar um assassino. Kenshin, porém, não admite ficar à margem dos acontecimentos e abandona Hiko para juntar-se aos revolucionários. Suas habilidades logo chamam a atenção dos líderes, que lhe pedem para matar pela causa. Kenshin aceita e logo se torna conhecido como o terrível Hitokiri Battousai, nome derivado do seu estilo de desembainhar a espada.
Certa noite, Battousai tinha como missão assassinar um alto funcionário do governo. Na escolta desse homem havia um jovem samurai que estava muito feliz com a perspectiva casar-se em breve. Todos riam e faziam comentários a esse respeito, quando o Battousai atacou e matou o dignatário, dizendo que os outros poderiam viver se não interviessem. A honra do rapaz, no entanto, não permitia isso e ele se atira em uma luta sem esperanças contra o assassino. Pensando em sua noiva, o rapaz luta desesperadamente contra Kenshin e chega a fazer-lhe um corte na face, o primeiro corte da cicatriz em forma de cruz que ele carregaria para sempre. Kenshin mata o rapaz mas, impressionado com sua vontade de viver, deixa uma flor sobre seu corpo. O corte que recebera iria reabrir e sangrar cada vez que Kenshin matava ou pensava em como sua vida havia se transformado em um mar de sangue.
Algum tempo depois, Kenshin está em uma hospedaria quando sente o perfume de uma jovem que, estranhamente, bebia saquê sozinha em um canto. Saindo da estalagem, Kenshin é atacado por um assassino do xogunato e luta contra ele. Ao matar o homem, o sangue espirra sobre o quimono e o rosto da jovem da estalagem, que passava exatamente naquele momento. “Realmente”, ela diz, “você é aquele que faz cair uma chuva de sangue”, e desmaia em seus braços. Assim termina a primeira parte do OVA.

Vídeos do VodPod não estão mais disponíveis.

2 Comentários to “Rurouni Kenshin OVA 01”

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: